Anuncie:  

Debate do Mês

Data: 20/5/2011

Que benefício trará para o povo a ida de deputados rondonienses para Santa Catarina?



Colunistas
Receba as matérias do site em seu e-mail

Cadastrar
Cancelar Cadastro

 

Porto Velho,  qui,   9/julho/2020     
cidades

Motoristas voltam a se reunir com patrões hoje

22/7/2009 11:31:09
 
Comente     versão para impressão     mandar para um amigo    



A expectativa é que a discussão do dissídio aconteça sem nova paralisação. 


 

Representantes dos sindicatos das empresas de transportes coletivos e dos motoristas e cobradores de ônibus da capital voltarão a se reunir  amanhã, quarta-feira (22), às 15h, no edifício-sede do TRT, em Porto Velho, com os membros da Justiça do Trabalho para nova rodada de negociações sobre o dissídio coletivo de greve. 
 A greve foi suspensa segunda-feira última após os primeiros entendimentos na audiência de conciliação, conduzida pela desembargadora-presidente, Maria Cesarineide de Souza Lima. O objetivo da nova audiência de conciliação é dar continuidade às discussões sobre as cláusulas de natureza econômica e outras propostas, à exceção da jornada de trabalho que será discutida no Ministério Público do Trabalho. 
De acordo com os entendimentos na audiência anterior, inclusive com a aprovação do MPT, a suspensão do intervalo intra jornada vai vigorar até o dia 12 de agosto, data em que acontecerá outra audiência, às 15h, na sede do Ministério Público do Trabalho, e as partes apresentarão os números reais sobre a adequação dos terminais ao meio ambiente de trabalho e o município vai divulgar a planilha de custos e o cronograma de implantação  para o Sindicato das Empresas de Transportes (SET) até 5 de agosto de 2009. 

Pelo TAC firmado com o MPT, as empresas concedem 7% de reajuste salarial, porém este índice deverá ser um dos itens da pauta no próximo dia 12 na audiência com o Ministério Público do Trabalho, afirmou Marciano. 

A desembargadora ressaltou o bom senso entre os representantes dos trabalhadores e das empresas de transporte urbanos em solucionar o impasse, prevalecendo depois de muita discussão um dos pontos responsáveis pela deflagração da greve e que já foi objeto do TAC - Termo de Ajustamento de Conduta - firmado entre os sindicatos dos trabalhadores e das empresas, no MPT. O descanso intra jornada, segundo dirigentes do Sitetuperon, dificultava as negociações pois obriga a empresa fornecer local adequado para o repouso dos motoristas e cobradores, durante o horário de descanso nos terminais. 
 A Secretária Municipal de Trânsito de Porto Velho, Fernanda Moreira, afirmou que para atender uma das reivindicações do sindicato dos trabalhadores estará apresentando na  audiência do dia 12 de agosto, no MPT, um estudo sobre a implantação de terminais de ônibus com acomodações adequadas para o descanso dos motoristas e cobradores nas intra jornadas, confirmando o interesse em firmar parceria com o SET. 
Para Ronaldo Marciano, representante do SET, existe também a preocupação do Sindicado das Empresas em evitar maiores prejuízos à população e também dos trabalhadores de transporte urbano de Porto Velho. 




Nenhum comentário sobre esta matéria

Mais Notícias
Publicidade: